Entre em contato e 

Tel.: 

E-mail: 

Desburocratização 6 – Mitos Burocratizantes

Burocratização 6

A desburocratização somente será projeto sério quando instituições e pessoas perceberem que a ética e a transparência são essenciais na gestão, diminuindo interesses pessoais e ampliando atendimento das necessidades coletivas de forma eficiente. Apresentamos mais crenças que se tornam mitos burocratizantes: 10) Instalações modernas e reformas significa renovar a organização. Construir modernas instalações ou promover reformas podem ser importantes, porém é necessário cuidar para não dar ênfase no aspecto físico “moderno” com a manutenção de “velhos” hábitos. A renovação nas organizações deve ser prioritariamente na mudança de comportamentos, desenvolvendo postura profissional com objetividade e simplificação. Assim, o crescimento do ser humano levando à maior maturidade é o maior desafio para a verdadeira renovação organizacional, pavimentando o caminho da confiança e da simplificação que viabiliza a desburocratização. 11) Administração por objetivos ou metas garante resultados. Definir metas nas organizações é importante para a manutenção do foco e gerar envolvimento, porém a definição não basta. A falta de acompanhamento e análise dos obstáculos acaba gerando mais frustrações do que resultados. É muito comum nas reuniões a cobrança por resultados e especialmente aumentando o grau de exigências quando as metas não estão sendo cumpridas. A fixação de metas por si só é insuficiente para mobilizar equipes na expectativa de que todos entenderam como atingi-las. A falta de informação compartilhada, análise franca das dificuldades e cooperação para chegar aos resultados leva os gestores a se preocuparem com as atividades, gerando procedimentos burocráticos. 12) A centralização das decisões garante a qualidade. Decisões podem ser tomadas com qualidade técnica, porém podem ser teóricas e sem aceitação das pessoas que a executarão. A aceitação exige o estímulo ao debate, a participação criativa e decisões em grupo. A ênfase na qualidade teórica das decisões pode levar aos métodos de imposição através de processos autocráticos, apelos a necessidade de confiança, por meio de ações paternalistas, persuasão por meio da “venda de ganhos pessoais” e por fim, estímulo à...

Leia mais

Desburocratização 5 – Pausa Para Reflexão – um novo Brasil

Burocratização 5

Diante dos recentes acontecimentos no País cabe a reflexão profunda sobre os princípios e valores que deveriam nortear a Sociedade que deseja evoluir. A corrupção e a burocracia se transformaram em “câncer” em todos os setores e estão minando as possibilidades de recuperação para o funcionamento não apenas da economia, mas também da estabilidade e confiança nas relações entre pessoas e instituições. Quando a doença é grave, os remédios são “amargos” e parece que é chegado o momento de avaliarmos a adoção de um “choque de gestão” em todas as esferas para a desconstrução do Sistema “contaminado”. As mudanças efetivas ocorrem de dentro para fora e para tanto são necessárias reciclagens na forma de PENSAR, SENTIR E AGIR. A construção do novo caminho exigirá exemplarismo e dedicação diuturna dos cidadãos lúcidos e conscientes para promover atitudes morais e éticas. Especialmente para a nova geração, os futuros gestores em todos os níveis da Nação. A ética deverá ser o pilar central para a lapidação necessária. Quando Schumpeter desenvolveu a teoria da inovação e do empreendedorismo cunhou o termo “Destruição Criadora”, argumentando que não haveria inovação ou o novo sem a destruição do antigo ou tradicional. Assim, podemos fazer uma analogia de que não poderemos criar nova Sociedade sem destruir velhos hábitos e atitudes. É necessário promover a “Ética Destrutiva”, reciclando valores e comportamentos considerados éticos, porém incoerentes entre o que se diz e o que se faz. A transparência das ações e o sobrepairamento ético para avaliar com equilíbrio e bom senso qual o melhor caminho, são pontos fundamentais para a transformação desejada. Porém, exige esforço e capacidade de “abrir mão” de teorias, conceitos e atitudes que não correspondem mais nas sociedades ditas modernas com objetivos evolutivos, rumo a igualdade de direitos e respeito ao ser humano. A responsabilidade aumenta à medida que nos posicionamos com autenticidade na busca do desenvolvimento gradual, conscientes das adversidades a serem enfrentadas e dos...

Leia mais

Workshop Análise Estratégica de Custos

DSC07504

Representantes de empresas da indústria, comércio e prestação de serviços do município de Rio Negrinho participaram do Workshop Análise Estratégica de Custos, promovido pela Câmara de Dirigentes Lojistas local. A realização do evento no dia 14 de março, esteve sob a responsabilidade da AMC Assessoria Empresarial. O diretor Adelino Denk abordou os seguintes temas: lucratividade do produto e do mix de produtos; ponto de equilíbrio do mix de produtos; análise da margem de contribuição; técnicas de formação do preço de venda e...

Leia mais

Workshop Análise Estratégica de Custos

CDL RN 14.03.16

Num mundo cada vez mais competitivo, conhecer os custos e analisar formas de reduzi-los é de vital importância para o sucesso e garantia da continuidade dos negócios. Aplicar estratégia na análise de custos significa avaliar o mix de produtos que minimize os custos e maximize os lucros, viabilizando políticas de preços competitiva. A Câmara de Dirigentes Lojistas – CDL realizará no dia 14 de março um whorkshop de Análise Estratégica de Custos com o Professor Adelino Denk. O objetivo do curso é demonstrar a estrutura e métodos utilizados na análise de custos, compreender uma metodologia de custos aplicável nas organizações, além de debater sobre as dificuldades e cuidados no controle de custos e elaboração do preço de venda. O conteúdo consiste na análise da composição de custos fixos e variáveis e impactos no preço, decomposição do preço de venda visando identificar rentabilidade efetiva, avaliação da rentabilidade por produto, clientes e mix de produtos, análise da relação custo/volume/lucro, análise da margem de contribuição e ponto de equilíbrio e estratégias para redução de custos e maximização de lucros. Quando? 14 de março; Onde? No auditório da CDL; Investimento? Gratuito Facilitador: Adelino Denk – Diretor da AMC Assessoria Empresarial, Mestre em Economia Industrial (UFSC/Univille), Practitioner em PNL (Programação Neurolinguística) pelo Instituto Você Presidente da FETEP – Fundação de Ensino Tecnologia e Pesquisa, Ex-Presidente da ACISBS – Associação Empresarial de São Bento do Sul, Pós-graduado em Qualidade e Produtividade (Univille), Pós-graduado em Engenharia de Produção (FAE/PUCPR), Formado em Administração de Empresas, Professor de Planejamento Estratégico e Custos em Pós-graduação, Auditor Líder de Sistemas de Qualidade, Experiência de 20 anos em Consultoria e Treinamento, Palestras realizadas para mais de 15 mil pessoas. As vagas são limitadas. Garanta a sua pelo fone...

Leia mais

Desburocratização 4 – Mitos Burocratizantes

Burocratização 4

A burocracia está minando o desenvolvimento econômico de cidades, regiões e até países e por consequência gera desmotivações pessoais e profissionais para a evolução necessária. Apresentamos mais crenças que se tornam mitos Burocratizantes: 7) Treinamento de liderança transformará todos em líderes eficazes. Programas gerenciais ou treinamentos de líderes são essenciais, porém treinamentos formais não transformam realidades. Não há como partir do pressuposto que é possível transformar pessoas para modelos ideais. Há muita conversa e muitos procedimentos no aspecto teórico e pouca ação prática para simplificar processos a partir da liderança. Ou seja, os líderes devem estar preparados para fazer e apoiar na transformação dos ambientes, considerando a dificuldade da mudança do ser humano para assumir novos paradigmas. Do contrário, cresce o clima de desconfiança e descrença, como evidenciamos nas mais diversas esferas, pois a burocracia tem crescido e o combate é insuficiente para gerar motivação. 8) Acreditar que todos resistem à mudança. Há dificuldade com a mudança, porém não podemos partir da hipótese que todos resistem à mudança. Assim, não haveria desenvolvimento. As resistências aumentam quando as pessoas se sentem ameaçadas ou tem receio das consequências. Desta forma, os burocratas se apegam ao medo da maioria para justificar a manutenção de procedimentos arcaicos e inibidores, temendo perder o controle. Portanto, o receio maior é de quem está no controle. É necessário estimular mudanças produtivas, desafiando a criatividade e inovação. Há oportunidades de simplificar e melhorar com as mudanças, gerando motivação e comprometimento de todos. O essencial é agregar valor, diminuindo as incertezas e inseguranças. Líderes desburocratizantes desafiam e estimulam novas ideias, descomplicando o processo e aumentando a eficiência. 9) O desenvolvimento advém de estruturas formais. O continuísmo e falsa sensação de estabilidade pode levar ao obsoletismo. A inovação permite o desenvolvimento de novas experiências, onde há espaço para a flexibilidade e renovação. Agindo sempre da mesma maneira e através das mesmas estruturas formais que induzem a repetição burocrática, teremos...

Leia mais

Organize a gestão de custos para driblar a crise

3d man and gold coins

A gestão de custos está diretamente relacionada à eficiência e à sustentabilidade dos negócios. Por meio do controle detalhado dos custos é possível definir o preço de venda de acordo com as necessidades da empresa e de forma competitiva no mercado atual, além de possibilitar o fluxo de caixa necessário às demandas diárias. Ainda que os desafios sejam maiores em momentos de adversidade econômica, a gestão estratégica dos custos possibilita uma correta tomada de decisões com base em indicadores obtidos através do orçamento mix efetuando as simulações quanto a rentabilidade dos produtos e a lucratividade total desejada. Conhecimento e técnicas de comprovada eficácia são imprescindíveis para a gestão de custos voltada à necessidade de cada empresa de acordo com o segmento de atuação e do modelo de negócio. A AMC Assessoria Empresarial dispõe de profissionais qualificados e experientes para assessorar a implantação e acompanhamento da gestão de custos, colaborando decisivamente com a saúde financeira da sua...

Leia mais